ACIDENTE, VOCÊ TEM CULPA!!

O número de acidentes de trânsito podem ser reduzidos a partir de medidas simples e práticas que devem ser adotadas pelos motociclistas/motoristas.
Abaixo segue 7 dicas para, estimular a preservação de acidentes, se é que, quem não as segue, em caso de sinistro, não podem chamar de “acidentes”.

1 – Evite o uso do celular quando estiver em deslocamento.
Atualmente, o aumento no número de acidentes de trânsito tem como um dos maiores causadores o uso do celular. Ao volante, você deve sempre se concentrar no percurso e evitar qualquer tipo de distração.

2 – Respeite as Leis de Trânsito
Uma regra básica para uma direção segura é conhecer e respeitar as sinalizações de trânsito.

Ações como não obedecer à preferência na rotatória e furar o sinal vermelho, por exemplo, podem ocasionar acidentes – além, é claro, de resultar nas famosas multas.

3 – Faça manutenção periódica
Fique sempre atento aos pneus, freios, nível de óleo e água. Assim, você evita surpresas tanto sob o ponto de vista de segurança quanto do bolso.

Ações preventivas são sempre importantes e garantem mais tranquilidade na hora de pegar a estrada.

4 – Utilize os faróis corretamente à noite
Ao dirigir/pilotar nesse período, especialmente em rodovias, preste atenção a esse ponto, sempre baixando a luz quando houver veículos na direção contrária.

5- Mantenha distância segura
Não ande colado no veículo da frente. Quanto maior a velocidade da pista, maior deve ser a distância de segurança entre o seu carro/moto e o da frente.

Em dias nublados ou chuvosos, a atenção deve ser redobrada. Nessas condições, o veículo precisa de mais tempo para frear, além do risco de aquaplanagem, em caso de chuvas.

6 – Respeite os limites de velocidade
Para evitar acidentes de trânsito, estar atento aos limites de velocidade é essencial. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece um limite de velocidade para cada tipo de via, mas é sempre recomendável prestar atenção na sinalização de cada via.

7 – Não dirija/pilote sob o efeito de substâncias tóxicas, álcool ou remédios
Muitos acidentes acontecem porque os motoristas/motociclistas exageram no consumo de bebidas alcoólicas. Ao assumir o risco de dirigir nesses casos, o motorista/piloto está cometendo um crime de trânsito e, se pego, terá que arcar com todas as consequências.

Atenção também para a ingestão de medicamentos. Alguns diminuem o cuidado ao dirigir/pilotar e podem fazer com que o condutor provoque um acidente.

Para uma direção segura e tranquila, pilote ou ditija somente se estiver em plenas condições mentais, físicas e emocionais. Assim, você evita acidentes, preserva a sua vida e a de outras pessoas.

ACIDENTE, VOCÊ TEM CULPA!!

Se for pilotar, pilote equipado, fique esperto com os idiotas dirigindo bêbado, teclando ao celular e com a bandidagem que surge dos esgotos como barata.
Boas curvas.
Celso Côrtes

%d blogueiros gostam disto: