Motociclistas devem ter atenção às vestimentas de segurança e postura correta no trânsito

Especialista da Honda destaca pontos importantes para levar em consideração no trânsito

Além de garantir mais conforto ao pilotar, a postura correta no trânsito deve ser observada pelo motociclista. As vestimentas de segurança também são fundamentais para os condutores. O coordenador da unidade Recife do Centro Educacional de Trânsito Honda (CETH), Marcello Torres, destaca situações que devem receber atenção para a postura.

“A primeira é cabeça, a visão, pois temos que ter uma visão mais adiante possível. A cabeça deve ficar sempre reta, assim como a coluna”, detalha. Ele acrescenta que ombros e braços devem ficar relaxados para facilitar o movimento do pescoço e do guidão e os cotovelos devem ficar levemente flexionados. 

“Não podem ser totalmente esticados para não perder movimentação e os punhos devem estar paralelos em relação às mãos, que devem ficar firmes durante as manobras para segurar o guidão bem”, completa. Por fim, Marcello destaca que o quadril tem que ficar próximo ao tanque, e os joelhos devem pressionar levemente o mesmo. “Os pés devem ser apoiados nas pedaleiras e apontados sempre para a frente”, finaliza.

Equipamento fundamental para a segurança, o capacete é indispensável no trânsito. Existem vários tipos e estilos, mas todos devem proteger o motociclista. “O capacete tem várias diferenciações. Temos que ficar atentos ao tamanho, que deve ser correto. A cabeça não pode ficar solta, por exemplo”, detalha Marcello. A fita jugular do capacete deve ser fechada de forma adequada para evitar um possível enforcamento. O equipamento também deve contar com uma viseira ou um óculos de proteção. 

Outro item importante é a viseira, que precisa estar sempre limpa para garantir a visão. O equipamento pode ser trocado por um óculos de proteção. “Não usar pode fazer com que entrem resíduos e isso pode prejudicar a visão”, alerta Marcello. Camisas de mangas longas e arejadas e com reforço nos ombros também são importantes, assim como as jaquetas”, pontua o coordenador da Honda. 

“Muita gente reclama do calor, mas não é para usar por causa da temperatura, e sim para proteger de quedas”, acrescenta. Calças de tecido resistente com áreas ventiladas, luvas e botas precisam completar os itens de segurança.

%d blogueiros gostam disto: