‘Ruta de los Parques’, uma rota cênica de 2,8 mil quilômetros no Chile

O CIRCUITO CONECTA 17 PARQUES NACIONAIS E PROMETE SER A NOVA GRANDE SENSAÇÃO DA AMÉRICA DO SUL

pós um longo processo, a Ruta de los Parques de la Patagonia saiu do papel. O novo caminho é um convite a explorar 17 parques nacionais chilenos. Localizados entre Puerto Montt (região de Los Lagos) e Cabo Horn (Província da Antártica Chilena), o trajeto passa pelos canais patagônicos Carretera Austral e a famosa Rota do Fim do Mundo. Todo o percurso equivale a 2,8 mil quilômetros e ocupa um espaço de 11,5 milhões de hectares. A atração passa a ser a grande aposta de aventura no Chile.

Para quem topar o desafio, além de conhecer os parques nacionais, vai ter a oportunidade de cruzar com mais de 60 comunidades, 24 ecossistemas diferentes e presenciar cerca de 140 espécies de pássaros e 46 mamíferos, todos em seus habitats.

O viajante que não dispuser de tempo suficiente para conhecer todo o caminho, poderá escolher diversos roteiros, os quais percorrem por cenários distintos, passando pelos Andes, florestas, lagos e vulcões. Sendo essas regiões favoráveis para a prática do trekking ou turismo contemplativo.

Imagens: (Ruta de los Parques de la Patagonia/Reprodução)

A criação da ‘Ruta de los Parques de la Patagonia’

Ruta de los Parques de la Patagonia é uma iniciativa que visa conservar a Patagônia Chilena, a qual pretende também proteger as espécies nativas. Além disso, uma das apostas é desenvolver economicamente as mais de 60 comunidades através do turismo responsável e sustentável.

A trilha foi idealizada pela Tompkins Conservation, fundação criada pelo Douglas Tompkins, estadunidense e fundador da marca North Face que morreu em 2015. “Após um longo processo, culmina a criação da Ruta de los Parques de la Patagonia, criada graças a maior doação privada da história para fins conservacionistas,” diz o ministro chileno Felipe Ward durante sua visita à fundação Tompkins.

A Rede de Parques é o ponto de partida para algo ainda maior, que é a Rota dos Parques da Patagônia, que protege mais de 11,5 milhões de hectares sob a categoria de Parque Nacional, sendo referência mundial para a conservação”, disse Kristine Tompkins, presidente da Tompkins Conservation e embaixadora do UN Environment . 

Os 17 parques nacionais

Os parques estão situados em três regiões do Chile: região de Los Lagos, de Aysén e Magallanes.

Mapa - Ruta de los Parques de la Patagonia
Imagem: (Reprodução)

Região de Los Lagos

Parque Nacional Pumalín Douglas Tompkins

Parque Nacional Alerce Andino

Parque Nacional Hornopirén

Parque Nacional Corcovado

Região de Aysén

Parque Nacional Queulat

Parque Nacional Melimoyu

Parque Nacional Isla Magdalena

Parque Nacional Cerro Castillo

Parque Nacional Patagônia

Parque Nacional Laguna San Rafael

Região de Magallanes

Parque Nacional Bernardo O’Higgins

Parque Nacional Pali Aike

Parque Nacional Kawésqar

Parque Nacional Alberto de Agostini

Parque Nacional Torres del Paine

Parque Nacional Yendegaia

Parque Nacional Cabo de Hornos

%d blogueiros gostam disto: