França vai obrigar motociclista a usar luvas no trânsito

A partir de 20 de novembro os motociclistas na França precisam atender uma nova legislaçãoque prevê a obrigatoriedade do uso de luvas (com certificação de proteção e segurança da União Europeia) tanto para o piloto quanto para o garupa.

Quem não atender a nova regra e for flagrado pela fiscalização precisará pagar uma multa de 68 euros e, como por lá não há prontuário com pontos na carteira, o infrator ainda é rebaixado na classificação da cilindrada que pode andar (da A2 para A1, por exemplo).

De acordo com as autoridades de trânsito francesas, que respondem ao Ministério do Interior, há uma série de motivações para a adoção da nova regra que obriga os motociclistas na França a calçarem luvas para andar de moto:

– Em cerca de 20% dos acidentes com moto as pessoas sofrem lesões nas mãos e nos pulsos

– Dados indicam que a utilização de luvas podem reduzir os ferimentos nas mãos em 95% dosacidentes de motos e de 87% nos acidentes com motonetas e ciclomotores (scooters e CUBs, por exemplo)

– Um tombo de moto em 50% dos casos pode representar uma queda de uma altura de 10 metros

De certo modo, a frota de motos na França é considerada bem pequena com cerca de 2% do total de veículos, mas as estatísticas de acidentes de trânsito em 2015 apontam que 43% das pessoas com ferimentos graves no país estavam relacionadas com motocicleta. As informações são do site espanhol Masmoto.

Foto: Honda/Divulgação

%d blogueiros gostam disto: