GP 1000: LUSSIANA SE APROXIMA DO RECORDE DE POLES DE PIERLUIGI

Publicado em Press Oficial 2015

 

fe95ce28ba90c27e652899bf82c9cf6d_L

 

 

Líder da categoria principal do Brasileiro de Motovelocidade, piloto francês comanda o grid pela oitava vez na carreira

O francês Matthieu Lussiana conquistou neste sábado (29) sua oitava pole position no Moto 1000 GP. O piloto da BMW Motorrad Petronas Racing foi o mais rápido do Q2, fase decisiva do treino classificatório que definiu o grid do GP Lubrax da GP 1000, a principal categoria do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade. A corrida abrirá a segunda metade da temporada de 2015 neste domingo (30) no Autódromo Internacional de Curitiba.

Agora com oito poles, Lussiana fica a uma de igualar o recorde de Diego Pierluigi, argentino que defende a JC Racing Team e vai alinhar sua Kawasaki em terceiro lugar no grid do GP Lubrax. Entre os dois, na segunda colocação, estará a Kawasaki inscrita pela Target Race Superbike Team sob o número 81 e pilotada pelo italiano Sebastiano Zerbo. É a melhor posição de largada de Zerbo desde que passou a competir no Brasileiro de Motovelocidade.

Vice-líder do campeonato, Pierluigi foi o mais veloz no Q1, primeira fase do procedimento classificatório. No Q2, sofreu uma queda em sua quarta volta e não conseguiu retomar participação no treino. Foi exatamente na quarta volta que Lussiana cronometrou 1min19s598, a volta mais rápida já percorrida em treinos por um piloto de motovelocidade no traçado curitibano de 3.695 metros. Ele foi 374 milésimos de segundo mais veloz que Zerbo.

Entre os pilotos da classe GP 1000 Evo, o mais rápido foi o paulista Nick Iatauro, do Team Suzuki-PRT, que vai largar em oitavo lugar no grid geral. Os curitibanos Eliandro Simonini, que volta ao Moto 1000 GP pela equipe Paulinho Sueprbikes, Victor Moura, pela M2B Racing, e Marcos Salles, pela MS Racing Team, completaram as quatro primeiras posições da Evo. Simonini e Moura pilotam motos Kawasaki, enquanto Salles compete com uma Honda.

A largada da GP 1000 e da GP 1000 Evo, neste domingo, será dada às 13h55, para 18 voltas. O GP Lubrax terá transmissão ao vivo a partir das 13h nos canais Bandsports e Esporte Interativo e no portal Terra, com a íntegra das categorias GP Light e GP 1000 e VTs compactos da GPR 250 e da GP 600. As quatro corridas serão exibidas ao vivo no canal do Moto 1000 GP do YouTube, indicado na página inicial do site moto1000gp.com.br.

MOTO 1000 GP – GRID DA GP 1000

(Resultado do treino classificatório deste sábado)

Q2

1º) Matthieu Lussiana (FRA/BMW), BMW Motorrad Petronas Racing, GP 1000, 1min19s598

2º) Sebastiano Zerbo (ITA/Kawasaki), Target Race Superbike Team, GP 1000, 1min19s972

3º) Diego Pierluigi (ARG/Kawasaki), JC Racing Team, GP 1000, 1min19s993

4º) Luciano Ribodino (ARG/BMW), BMW Motorrad Petronas Racing, GP 1000, 1min20s213

5º) Wesley Gutierrez (PR/Kawasaki), Motonil Motors-PDV Brasil/Usatec BSB Team, GP 1000, 1min20s276

6º) Miguel Praia (POR/Honda), Center Moto Racing Team, GP 1000, 1min20s462

7º) Philippe Thiriet (MG/Kawasaki), Motonil Motors-PDV Brasil/Usatec BSB Team, GP 1000, 1min21s860

8º) Nick Iatauro (SP/Suzuki), Team Suzuki-PRT, GP 1000 Evo, 1min22s797

Q1

9º) Eliandro Simonini (PR/Kawasaki), Paulinho Superbikes, GP 1000 Evo, 1min22s551

10º) Victor Moura (PR/Kawasaki), M2B Racing, GP 1000 Evo, 1min23s922

11º) Marcos Salles (PR/Honda), MS Racing Team, GP 1000 Evo, 1min26s246

12º) Diego Pretel (SP/Ducati), DRT-Ducati, GP 1000 Evo, sem tempo

Média do 1º: 167,115 km/h

CLASSIFICAÇÃO

Já computado o ponto de bonificação pela pole position do GP Lubrax, a classificação da GP 1000 é: 1º) Matthieu Lussiana, 102 pontos; 2º) Diego Pierluigi, 73; 3º) Miguel Praia, 60; 4º) Wesley Gutierrez, 51; 5º) Sebastiano Zerbo, 37; 6º) Danilo Lewis, 32; 7º) Sebastian Porto, 29; 8º) Nick Iatauro, 23; 9º) Diego Pretel e Philippe Thiriet, 22; 11º) Marco Solorza, 19; 12º) Martin Solorza e Luciano Ribodino, 16; 14º) Victor Moura, 15; 15º Marcos Salles, 10

Na classe GP 1000 Evo, implantada nesta temporada e destinada aos pilotos que mantêm suas carreiras em fase de ascensão e consolidação, a classificação do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade após quatro das oito etapas é a seguinte: 1º) Nick Iatauro, 79 pontos; 2º) Diego Pretel, 70; 3º) Victor Moura, 56. 4º) Marcos Salles, 36; 5º) Ian Testa e Alessandro Andrade, 16; 7º) Luís Fittipaldi, 13; 8º) André Luiz Paiato, 11.

Deixe já o seu comentário

%d blogueiros gostam disto: