Honda destaca os melhores profissionais de Pós-Venda

Os melhores profissionais de Pós-Venda da Honda na América do Sul serão conhecidos nesta semana, entre os dias 04 e 06 de fevereiro, durante a etapa final da 12ª edição do programa Best Quality, iniciativa da marca voltada à capacitação dos técnicos, consultores e gestores de serviços e peças de sua rede de concessionárias de motocicletas e automóveis.

Na primeira fase do programa, que contou com aproximadamente 10.000 participantes entre os meses de março e novembro, os profissionais tiveram acesso a uma plataforma gamificada de aprendizagem com treinamentos, histórico de circulares e boletins técnicos além de outras atividades específicas às suas áreas de atuação.

Os melhores colocados no ranking em cada categoria (técnico, consultor de serviços, consultor de peças e gestor) nos segmentos de motocicletas e automóveis seguem agora para etapa presencial, que ocorre no Centro de Treinamento, em Sumaré, interior de São Paulo.

A avaliação final, que reúne 72 finalistas, consiste em testes práticos de diagnósticos em veículos, simulações de atendimentos, além de prova de conhecimento escrita. Diversos critérios são avaliados tais como aderência à metodologia e cultura de serviços da Honda, uso correto das ferramentas e manuais, resolução de casos, tempo de realização da prova entre outros.

“O Best Quality é uma iniciativa de extrema importância para nós, pois além de reconhecer o time de profissionais do Pós-Venda nos permite ressaltar a excelência de atendimento ao cliente como um pilar estratégico. O nosso objetivo é aprimorar cada vez mais os processos com uma assistência técnica capacitada, além da garantia de uso de peças genuínas de reposição, para oferecer a melhor experiência aos nossos consumidores”, afirma Marcelo Langrafe, Diretor de pós-venda da Honda América do Sul.

Desde seu lançamento em 2007, o programa já registra a participação de mais de 97.000 colaboradores da rede de concessionárias em toda América do Sul, o que demonstra o comprometimento da marca em assegurar a alta qualidade de seu Pós-Venda.

Sobre a Honda no Brasil: Sobre a Honda no Brasil: Em 1971, a Honda iniciava no Brasil as vendas de suas primeiras motocicletas importadas. Cinco anos depois, era inaugurada a fábrica da Moto Honda da Amazônia, em Manaus, de onde saiu a primeira CG, até hoje o veículo mais vendido do Brasil. De lá para cá, a unidade produziu mais de 24 milhões de motos, além de quadriciclos e de motores estacionários que formam a linha de Produtos de Força da Honda no País, também composta por motobombas, roçadeiras, geradores, entre outros. Para facilitar o acesso aos produtos da marca, em 1981 nasceu o Consórcio Honda, hoje a maior administradora de consórcios do mercado nacional, que faz parte da estrutura da Honda Serviços Financeiros, também composta pela Seguros Honda e o Banco Honda. Dando continuidade à trajetória de crescimento, em 1992 chegavam ao Brasil os primeiros automóveis Honda importados e, pouco tempo depois, em 1997 a Honda Automóveis do Brasil iniciava a produção do Civic, em Sumaré (SP). A segunda planta de automóveis da marca, construída na cidade de Itirapina (SP), foi inaugurada em 2019 e concentrará, a partir de 2021, toda produção dos modelos locais, enquanto a unidade de Sumaré se consolidará como centro de produção de motores e componentes, desenvolvimento de produtos, estratégia e gestão dos negócios do grupo Honda. Atualmente, 2 milhões de automóveis da marca já foram produzidos em solo nacional. Durante esses anos, a empresa também inaugurou Centros Educacionais de Trânsito, de Treinamento Técnico, de Distribuição de Peças e de Pesquisa & Desenvolvimento. Estruturou uma rede de concessionárias hoje composta por aproximadamente 1.300 endereços. Em 2014, em uma iniciativa inédita no segmento, a Honda inaugurou seu primeiro parque eólico do mundo, na cidade de Xangri-Lá (RS). O empreendimento supre toda a demanda de energia elétrica da fábrica de automóveis e dos escritórios das cidades de Sumaré e São Paulo, reduzindo os impactos ambientais das operações da empresa. Em 2015, a Honda Aircraft Company anunciou a expansão das vendas do HondaJet, o jato executivo mais avançado do mundo, para o Brasil.

%d blogueiros gostam disto: