Honda produz o motor 500 mil do modelo 160 cm3

A Honda alcançou na segunda-feira, 18, a marca de 500 mil motores de 160 cm3 flex produzidos em sua unidade de Manaus (AM). Dedicado às motocicletas, o propulsor é reconhecido como o primeiro bicombustível para esta cilindrada em todo o mundo.

Lançado em 2014 com o modelo NXR 160 Bros, o motor faz parte do projeto da montadora em desenvolver tecnologias que reduzam os impactos ambientais de seus produtos ao se antecipar a regulamentação da segunda fase do Promot 4, Programa de Controle da Poluição do Ar por Motociclos e Veículos Similares.

Em agosto do ano passado, a Honda CG adotou o motor 160 cm³. O modelo mais vendido da marca no Brasil com mais de 11 milhões de unidades ganhou melhor desempenho em sua versão 2016, com 14,9 cv de potência se abastecido com gasolina e 15,1 cv com etanol.

Com capacidade cúbica de 162,7 cm3, o motor monocilíndrico traz como principais características versatilidade e baixo custo de manutenção. Ele conta com sistema OHC (Over Head Camshaft), quatro tempos, arrefecido a ar, injeção eletrônica PGM-FI (Programmed Fuel Injection) e tecnologia FlexOne.

Também neste mês, o mercado brasileiro alcançou um novo patamar de motocicletas flex: 5 milhões de unidades, sete anos após o lançamento do primeiro modelo (leia aqui).

Foto: Internet
Foto: Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *