Indian mantém produção parada desde maio

A produção das motos Indian permanece parada desde maio. A empresa não informa o número, mas continua com estoques elevados o suficiente “para abastecer o mercado nos próximos meses”, afirma o gerente de vendas e marketing Paulo Brancaglion.

O executivo garante, porém, que a marca estará no Salão Duas Rodas (de 14 a 19 de novembro no São Paulo Expo) em um estande semelhante ao do Anhembi em 2015. “Ele foi especialmente planejado para o lançamento das novidades aguardadas para a linha 2018. Os novos modelos serão apresentados em detalhes na coletiva de imprensa marcada para o dia 13 de novembro”, afirma.

Brancaglion diz também que as cinco concessionárias (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Florianópolis e Goiânia) permanecem abertas. De acordo com dados da Abraciclo, associação que reúne fabricantes do setor, desde o segundo semestre de 2015 até o fim de abril de 2017 a Indian havia fabricado no Brasil 808 motocicletas. Sua montagem ocorre em Manaus (AM) dentro da estrutura da Dafra, que em abril também foi forçada a interromper sua produção como consequência da retração do mercado, mas a retomou em maio.

%d blogueiros gostam disto: