Líder Tunico Maciel é o mais rápido das motos na primeira parte da etapa Maratona do Sertões

Sem assistência externa no Jalapão, os três pilotos da equipe Honda Racing mantêm as primeiras posições da classificação geral da categoria com a CRF 450RX

São Félix do Tocantins (TO) – A equipe Honda Racing cumpriu com sucesso a primeira parte da etapa Maratona do Sertões 2019. Sem poder contar com assistência externa, Tunico Maciel foi o mais rápido das disputas desta quinta-feira (29/8), cujo percurso teve 475 quilômetros entre Porto Nacional e São Félix do Tocantins (TO). O roteiro incluiu 330 km de trechos cronometrados e passagem pelo temido Jalapão. Com os resultados do dia, o mineiro segue na dianteira das motos, na frente dos companheiros de equipe Gregorio Caselani, vice-líder, e Jean Azevedo. Os três aceleram a Honda CRF 450RX.

“A moto chegou 100% ao parque fechado, só precisei realizar a manutenção básica para a largada de amanhã”, conta Maciel, que também lidera a categoria Production Aberta. Nesta sexta-feira (30/8), a sexta etapa do rali segue em formato Maratona. Ou seja, os competidores só poderão contar com as equipes de apoio na cidade de Bom Jesus, no Piauí, após mais de 537 km percorridos – a grande maioria deles, 535, de especiais. O desafio promete ser o mais duro da 27ª edição do Sertões, com muita areia, calor e todos os tipos de pisos. 

“A minha estratégia será manter o foco e a tranquilidade. Estou cumprindo os desafios do Sertões dia após dia, acelerando onde sinto confiança e sendo cauteloso nos pontos de atenção, e ainda tenho conseguido me divertir bastante durante a prova. A sexta etapa será decisiva e quero chegar bem em Bom Jesus”, acrescenta Maciel. Ele é o atual campeão das motos.  

O gaúcho Gregorio Caselani lidera a disputa da Super Production. Na classificação geral, ele está a 14min49seg de Tunico Maciel. “Entramos no Jalapão e a sexta etapa promete ser muito difícil e pesada, principalmente por conta da areia e do calor. Pretendo manter o ritmo forte, mas ao mesmo tempo conservador, para cumprir a Maratona”, relata.  

Além do terceiro lugar na geral, Jean Azevedo é o vice-líder da Super Production. O paulista heptacampeão e maior vencedor das motos no Sertões tem experiência de sobra para superar as adversidades. “Hoje passamos por lugares já conhecidos do Jalapão, na sexta etapa o nível técnico será muito mais alto e exigirá bastante perícia dos pilotos. Estou me sentindo bem fisicamente e a moto chegou inteira, é só trocar a planilha para largar”, finaliza Azevedo. 

Patrocinado pela Honda, o 27º Sertões largou no dia 25 de agosto de Campo Grande (MS). O rali conta com oito dias de disputas até a chegada em Aquiraz (CE), marcada para 1º de setembro. O roteiro total é de 4.890 quilômetros, sendo 2.861 de especiais (trechos cronometrados), com passagem por seis estados: Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás, Tocantins, Piauí e Ceará. A prova inclui também categorias para carros, UTVs e quadriciclos.

A equipe Honda Racing de Rally Cross Country é patrocinada por Pro Honda, ASW, Michelin, DID e Seguros Honda.

Sertões 2019 – Classificação após cinco etapas (resultados extraoficiais)

Classificação geral – Motocicletas
1 – Tunico Maciel #1 – 22:08:43 – Honda CRF 450RX
2 – Gregorio Caselani #5 – 22:23:33 – Honda CRF 450RX
3 – Jean Azevedo #3 – 22:33:45 – Honda CRF 450RX

4 – Bruno Leles #18 – 23:46:14
5 – Vítor Closs #9 – 24:09:30

Categoria Super Production
1 – Gregorio Caselani #5 – 22:23:33 – Honda CRF 450RX
2 – Jean Azevedo #3 – 22:33:45 – Honda CRF 450RX

3 – Bruno Leles #18 – 23:46:14
4 – Ricardo Martins #2 – 24:17:15
5 – Ramon Sacilotti #11 – 24:41:47

Categoria Production Aberta
1 – Tunico Maciel #1 – 22:08:43 – Honda CRF 450RX

2 – Vítor Closs #9 – 24:09:30
3 – Mário Marchiori #8 – 24:46:15
4 – Rafael Milan #12 – 25:27:04
5 – Luis Henrique dos Santos #71 – 28:41:43

Sertões 2019 – 5ª etapa (resultados extraoficiais)

Classificação geral – Motocicletas
1 – Tunico Maciel #1 – 04:10:49 – Honda CRF 450RX
2 – Jean Azevedo #3 – 04:15:46 – Honda CRF 450RX
3 – Gregorio Caselani #5 – 04:17:59 – Honda CRF 450RX 

4 – Ricardo Martins #2 – 04:19:12
5 – Vítor Closs #9 – 04:31:07

Categoria Super Production
1 – Jean Azevedo #3 – 04:15:46 – Honda CRF 450RX
2 – Gregorio Caselani #5 – 04:17:59 – Honda CRF 450RX 

3 – Ricardo Martins #2 – 04:19:12
4 – Ramon Sacilotti #11 – 04:35:32
5 – Tiago Fantozzi #17 – 04:47:11

Categoria Production Aberta
1 – Tunico Maciel – 04:10:49 – Honda CRF 450RX

2 – Vítor Closs #9 – 04:31:07
3 – Rafael Milan #12 – 05:01:24
4 – Mário Marchiori #8 – 05:03:24
5 – Luis Henrique dos Santos #71 – 05:40:53Programação Sertões 2019:


30/8 – Sexta-feira

6ª etapa – São Félix do Tocantins (TO) a Bom Jesus (PI) – Maratona
Deslocamento inicial – 0 km 
Especial (Cronometrado) – 535 km 
Deslocamento final – 2 km 
Total do dia – 537 km

O dia da última parte da etapa Maratona ficará marcado pela maior especial da história do Sertões, em 27 anos. Será o trecho mais importante da edição, com muita areia, grandes retas, poucas sombras, descidas de serras, bem árido, com todos os tipos de pisos. Destaque para a paisagem durante a passagem pelos cânions de Bom Jesus, no Piauí.

31/8 – Sábado
7ª etapa – Bom Jesus (PI) a Crateús (CE)

Deslocamento inicial – 2 km 
Especial (Cronometrado) – 325 km 
Deslocamento final – 628 km 
Total do dia – 955 km

Depois de seis dias muito intensos nas especiais, o Sertões 2019 começará a diminuir forte o ritmo nos trechos cronometrados. Porém, será a etapa mais longa da edição em quilometragem, com um deslocamento final de 617 km – um desafio extra para todos os pilotos, que terão que controlar o sono e o cansaço antes da chegada no penúltimo destino, em Crateús (CE).

1/9 – Domingo
8ª etapa – Crateús (CE) – Aquiraz (CE)

Deslocamento inicial – 428 km 
Especial (Cronometrado) – 18 km 
Deslocamento final – 6 km 
Total do dia – 452 km

O dia iniciará com um deslocamento direto para a especial de 30 km nas dunas de Aquiraz (CE). Será um circuito de 10 km, com três voltas nas areias, uma dinâmica bem diferente das demais especiais. A largada será em linha e a chegada, no Beach Park, famoso parque aquático da região.

Total de especiais – 2.861 km 
Total da prova – 4.890 km 

*As informações são fornecidas pela organização do evento e estão sujeitas a alterações.


Mundo Press – Assessoria de Imprensa da Honda Racing Brasil  

%d blogueiros gostam disto: