Rally Dakar 2016 – 1ª etapa e Prólogo – Motos: Barreda e Faria são os mais rápidos

Joan Barreda (Honda CRF 450 Rally)
Joan Barreda (Honda CRF 450 Rally)

O espanhol Joan Barreda (Honda CRF 450 Rally) e o português Ruben Faria (Husqvarna 450) assumiram a liderança provisória do Dakar 2016 na categoria motos. Ambos concluíram os 11 km do prólogo disputado neste sábado (02/01) com o mesmo tempo, 6min27seg. O português Helder Rodrigues (Yamaha WR450F) foi o terceiro mais rápido.

DIVULGAÇÃO

Ruben Faria (Husqvarna 450)
Ruben Faria (Husqvarna 450)

136 motos partiram de Buenos Aires rumo a Rosário, com um deslocamento de 171 km. Após 10 anos de domínio do francês Cyril Despres (que migrou para os carros e a aposentadoria do espanhol Marc Coma, que passou a fazer parte da organização da prova, há lugar para um novo campeão. O pelotão de favoritos é formado por nove pilotos, um deles, português Paulo Gonçalves (Honda CRF 450 Rally), teve um dia ruim. Com problemas mecânicos em sua moto, perdeu um minuto para os líderes e está na 50ª colocação.

DIVULGAÇÃO

Jean Azevedo (Honda CRF 450 Rally)
Jean Azevedo (Honda CRF 450 Rally)

Jean Azevedo (Honda CRF 450 Rally) é o único participante do Brasil sobre duas rodas. Ele chega à sua 18ª participação na competição. Jean completou o prólogo na 17ª posição, 18 segundos de desvantagem para Barreda e Faria.
Classificação geral após a 1ª etapa (extraoficial):

1 – Joan Barreda (Honda CRF 450 Rally): 00:06:27
2 – Ruben Faria (Husqvarna 450): 00:06:27
3 – Helder Rodrigues (Yamaha WR450F): + 00:00:03
4 – Adrien Van Beveren (Yamaha WR450F): + 00:00:04
5 – Michaël Metge (Honda CRF 450 Rally): + 00:00:08

17 – Jean Azevedo (Honda CRF 450 Rally): + 00:00:18

Neste domingo (03/01), será disputada a 2ª etapa, partindo de Rosário rumo a Villa Carlos Paz, na Argentina. As motos e quadriciclos terão uma especial de 227 km, num total de 632 km a serem percorridos.

Colaboração especial do piloto e engenheiro Klever Kolberg.

Deixe já o seu comentário

%d blogueiros gostam disto: