Moto Veneza contabiliza mais de 500 motociclistas

Nem o tempo ruim impediu que mais de 500 apaixonados por motocicletas invadissem a 4ª edição do Moto Veneza. O evento foi realizado pelo grupo de motociclistas Moto Veneza, em parceria com a prefeitura municipal, visando reunir os motociclistas da região e de todo o país.

Os motociclistas participaram de shows e atrações musicais, além de saborear o churrasco 0800 e ainda trocar experiências em duas rodas. Todo o lucro do bar foi revertido em doações para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Nova Veneza.

“Já viajei por toda a América de Sul, mas não somo quantos quilômetros já fiz. E, sim, quantos amigos conquistei. Gosto de viajar para cidades pequenas, onde existem povos acolhedores”, revela o motociclista gaúcho, André Linck, de 61 anos.

Para o mineiro, de Pato de Minas, Jarbas Silva, de 31 anos, do grupo Kamizetta Preta, o evento surpreendeu as expectativas. “Um grupo acolhedor, uma cidade bonita e um evento organizado. Eu e mais sete amigos resolvemos viajar de Minas para o Paraguai, Uruguai e descobrimos o evento. Infelizmente devido ao nosso cronograma não conseguimos ficar mais para prestigiar todo o encontro. Mas quero me programar para o ano que vem conhecer o Sul e estar presente no Moto Veneza”, destaca.

O presidente do Moto Veneza, Nei Brolesi, agradeceu a boa participação dos motociclistas. “Nós da organização do Moto Veneza queremos agradecer a todos os motociclistas que vieram de várias regiões do Estado e do país. Foram meses de muito trabalho para a realização deste evento que, encerramos com a sensação de dever cumprido”, pontua Brolesi.

Colaboração: Cristiane Freitas / Comunicação Nova Veneza

 

 

 

%d blogueiros gostam disto: