Nexx: renascer das cinzas

Foi no passado Sábado dia 20 de Janeiro que todos fomos surpreendidos pela notícia de que um incêndio de grandes dimensões estava a devorar parte das instalações da Nexx, fabricante de capacetes sediado em Amoreira de Gândara, Anadia.

A meio da tarde desse Sábado, um incêndio na unidade de produção de capacetes, ia destruindo o que podemos considerar como o “coração” da fábrica da Nexx, mas a marca, liderada pelo CEO, Hélder Loureiro, rapidamente fez questão de reagir e num comunicado assegurava que o futuro da empresa, e dos trabalhadores, estava garantido.

Uma semana depois do incêndio, falámos com André Varandas, Diretor de Marketing da Nexx, para saber mais detalhes sobre como tudo isto afetou as operações da marca, como é que os trabalhadores e empresa estão a recuperar, e como é que reagem ao apoio que tem sido demonstrado pelos portugueses neste momento difícil para a Nexx.

Andar de Moto – Foi uma enorme infelicidade que se abateu sobre a Nexx e todos os seus trabalhadores. Passados alguns dias do incêndio, será que nos podes adiantar mais algum detalhe sobre o que terão sido as causas do incêndio?

André Varandas – Apesar de não podermos ainda divulgar tal informação, estamos já em condições de assegurar que não houve origem criminosa.

Andar de Moto – Hélder Loureiro, CEO da Nexx, numa atitude aplaudida por todos, imediatamente assegurou que os postos de trabalho não estão comprometidos. Consegues dizer-nos como é que os trabalhadores estão a reagir a este problema?

André Varandas – A empresa acionou no próprio dia o seu plano de contingência para restaurar todas as suas atividades e compromissos e o foco está totalmente na retoma das operações em falta, dentro da maior brevidade possível. Os postos de trabalho estão garantidos; temporariamente, iremos requalificar alguns funcionários e distribui-los por outras unidades de produção. Os seguros deverão cobrir os prejuízos. “Recuperação” é palavra-chave e sente-se o otimismo em toda a equipa. Houve uma reunião interna com todos os colaboradores e a mensagem foi continuar a fazer o que temos feito, trabalhando um pouco mais. Como foi dito pelo nosso CEO Helder Loureiro “daqui a um mês tudo não passe de uma má memória”.

Andar de Moto – E qual é o estado de espírito dos trabalhadores e da própria Nexx, perante esta adversidade? 

André Varandas – O mais otimista possível. Podemos garantir que a NEXX vai recuperar rapidamente desta situação e dar continuidade ao seu próspero negócio. A produção será obviamente afetada, mas contamos que dentro de um mês, comece a estabilizar.

Andar de Moto – Aproveitarão para sair desta situação mais fortes do que estavam?

André Varandas – Claro que sim, vemos o desafio atual como mais uma oportunidade para demonstrarmos que temos uma equipa única.

Andar de Moto – No comunicado que divulgaram sobre o incêndio falam em “plano de contingência”. Será que podes revelar algum detalhe sobre esse plano?

André Varandas – Em traços gerais, o Plano de Contingência permite que a empresa se mantenha em funcionamento durante um choque externo até que este seja parcialmente ou totalmente ultrapassado. No fundo, define as medidas que envolvem os diferentes setores e responsáveis e que prevê desde a cobertura de questões relacionadas processos produtivos mas também questões jurídicas, seguros, entidades externas a contactar, imprensa, gestão de recursos humanos, fornecedores e matérias-primas ou até em casos mais extremos (felizmente, não é o caso) a possibilidade de subcontratação.

Andar de Moto – A Nexx está presente em 56 países. Sendo que a produção será afetada em consequência do incêndio, a Nexx vai garantir que todos os mercados têm stock, ou do ponto de vista estratégico vão focar-se em mercados específicos?

André Varandas – Dada a complexidade da nossa rede de distribuição, que envolve distribuidores e mercados diretos, terá que ser feita uma gestão, mercado a mercado e cliente a cliente. No entanto, nenhum dos objetivos para este ano será redefinido e o plano de negócios para 2018 manter-se-á, sem qualquer alteração.

Andar de Moto – A gama de capacetes Nexx é diversificada. Algum modelo de capacete continua a ser produzido sem problemas, ou o incêndio afetou a produção de todos os modelos de igual forma?

André Varandas – Naturalmente, o incidente irá afetar o nosso processo produtivo ao nível dos modelos de capacetes em Fibra Multicompósitas e Carbono. A produção de capacetes em Termoplástico não foi afetada e mantém o ritmo e serviço normais.

Andar de Moto – Apesar da infelicidade, mais uma vez ficou demonstrado que os portugueses, e os motociclistas em particular, unem-se nos momentos em que mais é preciso. Como é que a Nexx tem visto e sentido o apoio que tem sido demonstrado nas redes sociais? São essas palavras de apoio que vos ajudam a passar por este momento mais complicado?

André Varandas – De facto, contamos com a união e empenho de uma grande equipa de colaboradores, clientes, fornecedores, entidades locais, parceiros e amigos. Temos recebido apoio vindo de todo o mundo, o carinho e força que nos têm transmitido são um incentivo extraordinário para continuarmos a dar o nosso melhor.

Andar de Moto – Queres deixar uma mensagem a todos aqueles que têm mostrado solidariedade em relação à Nexx?

André Varandas – É muito reconfortante saber que não estamos sozinhos. Gostaríamos de fazer um agradecimento especial à Câmara Municipal de Anadia  pela ajuda valiosa que nos tem dado e aos Bombeiros, nomeadamente às seguintes corporações: Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Anadia; Bombeiros Voluntários da Pampilhosa; AHBV Oliveira do Bairro; Bombeiros de Águeda; Bombeiros Voluntários da Mealhada; Bombeiros Aveiro-Velhos; Bombeiros Novos de Aveiro; Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vagos; Bombeiros Albergaria-a-Velha; a todos por arriscarem a sua vida para salvar as nossas instalações. Temos ainda contado com a união e empenho dos nossos Clientes, Parceiros, Fornecedores e Amigos. Enfim toda a família NEXX – e não só – tem sido incansável nestas primeiras horas! Nunca esqueceremos o apoio incrível que vocês nos dão. Do fundo dos nossos corações, em nome de toda a equipa da NEXX, obrigado a todos.

 

 

 

Fonte: http://www.andardemoto.pt/
%d blogueiros gostam disto: